Aprenda a amar sem esperar muito dos outros.  
Minha bagunça é sentimental.
Desejo a você: Cheiro de jardim. Namoro no portão. Domingo sem chuva. Segunda sem mau humor. Sábado com seu amor. Filme do Carlitos. Chope com amigos. Crônica de Rubem Braga. Viver sem inimigos. Filme antigo na TV. Ter uma pessoa especial - e que ela goste de você. Música de Tom com letra de Chico. Frango caipira em pensão do interior. Ouvir uma palavra amável. Ter uma surpresa agradável. Ver a Banda passar. Noite de lua cheia. Rever uma velha amizade. Ter fé em Deus. Não ter que ouvir a palavra não. Nem nunca, nem jamais e adeus. Rir como criança. Ouvir canto de passarinho. Sarar de resfriado. Escrever um poema de amor, que nunca será rasgado. Formar um par ideal. Tomar banho de cachoeira. Pegar um bronzeado legal. Aprender um nova canção. Esperar alguém na estação. […]Uma festa. Um violão. Uma seresta. Recordar um amor antigo. Ter um ombro sempre amigo. Bater palmas de alegria. Uma tarde amena. Calçar um velho chinelo. Sentar numa velha poltrona. Tocar violão para alguém. Ouvir a chuva no telhado. Vinho branco. Bolero de Ravel. E muito carinho meu.

Carlos Drummond de Andrade.  (via inverbos)

Aí você começa a pensar na pessoa e dá aquele sorriso bobo do nada.

Tati Bernardi.  

Você me veio como um sonho bom.

Legião Urbana.

O que importa na vida é estar junto de quem se gosta.

Clarice Lispector

Pode ficar comigo se quiser, eu ia gostar que ficasse.

Agora e Para Sempre

Eita que menina doida!
Fala sozinha, e ama também.

Caio Fernando Abreu. 

Eu escolheria você. Se me dessem um último pedido, eu escolheria você. Se a vida acabasse hoje ou daqui a mil anos, eu escolheria você.

Tati Bernardi. 


@ acumulou